CRESCIMENTO E MARCHA DE ABSORÇÃO DE NUTRIENTES EM MUDAS DE KHAYA IVORENSIS

Marcia de Souza Alves, Oscar José Smiderle, Aline das Graças Souza, Edvan Alves Chagas, Paulo Renato de Oliveira Fagundes, Olisson de Mesquita Souza

Resumo

A importância econômica do mogno ressalta a relevância das análises morfométricas dos seedlings e o status nutricional visando à formação de mudas com qualidade. Objetivou-se determinar crescimento e marcha de absorção de nutrientes em mudas de mogno africano, cultivado com e sem adição de solução nutritiva por 140 dias. O delineamento experimental utilizado foi o inteiramente casualizado, em esquema fatorial 2 x 6 (substrato orgânico Organoamazon® em presença e ausência de solução nutritiva) e pelos tempos de coleta (0; 60; 80; 100; 120 e 140 dias após o transplantio) com quatro repetições de oito plantas. Para análise do crescimento foram mensuradas a altura e o diâmetro e ainda, determinaram-se os teores foliares de macro e micronutrientes. As mudas de mogno africano apresentaram rápido e vigoroso crescimento vegetativo. Os seedlings de K. ivorensis com adição de solução nutritiva atinge 51,5 cm de altura e 10,17 mm de diâmetro de coleto enquanto sem adição de solução nutritiva a altura de 62 cm e diâmetro de 11,35 mm. Adição ou não de solução nutritiva são indicados para crescimento de mudas de K. ivorensis em substrato Organoamazon®, nos períodos de cultivo. As mudas de K. ivorensis com aplicação de solução acumulam diferentes quantidades de N, K, Ca e S nas folhas aos 140 dias após o transplantio.

Texto completo:

PDF