AVALIAÇÃO TÉCNICA-OPERACIONAL DE PULVERIZADORES DE BARRAS NA REGIÃO DE PATO BRANCO - PR

Gabrielli Fiorentin Dedordi, Alcir José Modolo, Ricardo Carnieletto, Rudi Otto Dams, Robson Gonçalves Trentin, Felipe Machado

Resumo

A inspeção técnica de pulverizadores agrícolas apresenta-se como importante ferramenta para orientar e informar aos usuários quanto a necessidade e importância de se trabalhar com equipamentos em bom estado de conservação e regulagem, evitando desgaste prematuro dos equipamentos, contaminação ambiental, pessoal e danos econômicos. Nesse sentido, o presente trabalho teve como objetivo avaliar a condição de trabalho de pulverizadores quanto ao seu estado de conservação, com vistas a identificar os problemas que interferem na qualidade das pulverizações. Foram avaliados 21 pulverizadores agrícolas de propriedades rurais do município de Pato Branco - PR, realizando avaliações em relação ao tamanho da propriedade, treinamento dos operadores, pressão de trabalho utilizada, critérios utilizados para a escolha das pontas de pulverização, presença e operacionalidade dos manômetros. Os pulverizadores inspecionados podem ser considerados como frota nova, pois a grande maioria possui idade entre 1 e 5 anos. O índice de operadores com treinamento foi de 19%. Dos pulverizadores avaliados, constatou-se que 28% apresentaram pressão de trabalho acima do limite superior recomendado pelo fabricante da ponta de pulverização. A maioria dos produtores entrevistados ainda não possui critérios adequados para a escolha das pontas de pulverização. A assistência técnica é responsável por 42,85% das indicações no momento da troca das pontas. O manômetro estava presente em todos os pulverizadores avaliados, e em 94% das máquinas apresentavam-se operantes.

Texto completo:

PDF