DAS PUNIÇÕES APLICADAS NOS JOGOS DA JUVENTUDE E JOGOS ABERTOS DO PARANÁ 1988 A 1998

Mauro Myskiw

Resumo

Pretendemos com este artigo, apresentar algumas discusões acerca das punições aplicadas pelos Tribunais de Justiça Desportiva nos Jogos da Juventude e Jogos Abertos do Paraná, entre os anos de 1988 a 1998. Tal estudo é resultados de um ensaio monográfico, defendido em 1999, cujo objetivo geral foi analisar qual a importância do Tribunais de Justiça e Disciplina Desportiva atuantes nos Jogos Abertos e Jogos da Juventude promovidos pelo Estado do Paraná, enquanto maneira de minorar a ocorrência de atitudes anti-desportivas, a fim de manter a normatização dos jogos. O material pesquisado foi o Quadro de Punições da Secretaria de Estado do Esporte e Turismo - Paraná Esporte/Comissão Especial de Justiça Desportiva, emitido no dia 24 de junho de 1998. De forma geral, os resultados permitem afirmar que as punições aplicadas em 11 anos pouco variam e, quando ocorrem oscilações, parecem estar relacionadas com o número de participantes, assim como, apesar do conhecimento sobre Código de Organização da Justiça e Disciplina Desportiva - COJDD ser apenas superficial ou existencial, as atitudes anti-desportivas neste tipificadas não são praticadas a todo instante em vista da moralidade inserida na personalidade das pessoas, em prol da prática esportiva saudável.

Palavras-chave

Punições; Jogos Abertos; Jogos da Juventude; Paraná (1988-1998).

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Incluir comentário
';