UMA DISCUSSÃO DO DESENVOLVIMENTO RURAL SOB O ENFOQUE DA PARTICIPAÇÃO DA POPULAÇÃO TRABALHADORA DO MEIO RURAL EM ATIVIDADES AGRÍCOLAS E NÃO AGRÍCOLAS

Rosangela Maria Pontili, Jefferson Andronio Ramundo Staduto, Jonas da Silva Henrique

Resumo

O objetivo da presente pesquisa foi o de analisar a distribuição da população trabalhadora do meio rural, em atividades agrícolas e não agrícolas, no período de 1997 a 2011, levando-se em conta a distinção por sexo e faixa etária. Escolheram-se, para isso, os trabalhadores das regiões Nordeste e Sul do Brasil e realizou-se uma comparação entre as duas regiões. Partiu-se, assim, da atual concepção de desenvolvimento rural, segundo a qual as famílias rurais têm buscado a pluriatividade, para garantir a absorção de sua mão de obra. Deste modo, fizeram-se análises estatísticas das Pesquisas Nacionais por Amostra de Domicílios (PNAD’s) e estimou-se um modelo log-linear para a população em questão. Os resultados comprovaram que a participação de trabalhadores jovens em atividades não agrícolas tem crescido mais do que em atividades agrícolas, sendo os percentuais ainda maiores entre as mulheres, isto para as duas regiões analisadas. Comprovou-se, também, a redução da população trabalhadora inserida em atividade agrícola, além de ter havido uma queda da diferença entre o total de trabalhadores agrícolas e não agrícolas, especialmente na população feminina. Foi percebido, ainda, que a mudança no perfil dos trabalhadores residentes em áreas rurais tem ocorrido a uma velocidade maior na região Sul, na comparação com a região Nordeste. No entanto, tal realidade também já afeta os nordestinos de maneira significativa. Uma vez que os resultados indicaram a existência de pluriatividade no meio rural das duas regiões, sugeriu-se que as políticas a serem adotadas visando o desenvolvimento rural devem levar em conta essa nova realidade.

Palavras-chave

Desenvolvimento rural; Pluriatividade; Atividades agrícolas e não agrícolas; Trabalhadores masculino e feminino; regiões Nordeste e Sul

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.