FUNDAMENTOS TEÓRICOS PARA A COMPREENSÃO DO ESTADO CAPITALISTA: UMA PERSPECTIVA MARXISTA

André Cutrim Carvalho, David Ferreira Carvalho, Maryan Jansen Cutrim Carvalho

Resumo

O objetivo do presente artigo é resgatar os aspectos mais importantes representados nas fundamentações teóricas contidas sobre o Estado Capitalista, dentro de uma perspectiva marxista e de análise histórico-teórica. O método utilizado neste trabalho de pesquisa para alcançar tal objetivo envolve o método dedutivo porque parte do geral, que compreende a discussão sobre os fundamentos teóricos da Teoria do Estado Capitalista e, também, o método indutivo porque considera o particular, ou seja, a Teoria do Estado Capitalista, trazendo à baila as contribuições mais relevantes sobre o assunto, tendo como suporte o legado intelectual de diversos autores como: Karl Marx, Hegel, Engels, Lênin, Gramsci, Offe. A justificativa para escolha e desenvolvimento deste tema decorre da importância e continuidade imediata dos estudos realizados sobre a Teoria do Estado Capitalista, principalmente, em um momento atual crítico de pouca aceitação na academia. A principal conclusão deste trabalho é que o Estado é um instrumento da classe dominante destinado a dar solução aos conflitos advindos da impossibilidade de todas as classes existentes na sociedade, concomitantemente, se apropriarem do poder político. Como consequência, o Estad´é visto simultaneamente como um produto das relações de dominação e o seu modelador.

Palavras-chave

Ciências Sociais; Ciências Econômicas

Texto completo:

PDF