ANÁLISE DOCUMENTAL DAS PROPOSTAS DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL EM ATIVIDADES DE CONTRATURNO NA EDUCAÇÃO BÁSICA

Juliana Alves da Silva Ubinski, Fernanda Aparecida Meglhioratti

Resumo


 A diminuição das desigualdades educacionais por meio do aumento da jornada escolar é defendida por programas de governo nas diferentes esferas, permitindo que as escolas escolham atividades que contemplem as demandas educacionais de seus alunos. Nesse sentido, buscou-se analisar como as atividades em contraturno, que contemplam o ensino de educação ambiental, estão estruturadas na cidade de Cascavel-PR. Para tanto, foi realizada uma análise documental das propostas das escolas estaduais inseridas no programa Mais Educação (Federal) e/ou no programa de Atividades de Complementação Curricular em Contraturno (Estadual/Paraná). A análise investigou os tipos de conteúdos contemplados e evidenciou que as propostas analisadas apresentam poucos conteúdos conceituais e falta de consistência entre esses e os conteúdos atitudinais e procedimentais. Também foi possível perceber nos documentos analisados a ênfase na Educação Ambiental crítica, antropocêntrica e sustentável.

Palavras-chave


Ampliação da jornada escolar. Ensino de Ciências. Programa Mais Educação. Complementação Curricular. Educação Ambiental.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.17648/educare.v13i28.15544

Direitos autorais 2018 Educere et Educare

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

______________________________________________________________

Revista Educere et Educare

e-ISSN 1981-4712 — ISSN 1809-5208
Unioeste - Universidade Estadual do Oeste do Paraná
Campus de Cascavel
Programa de Pós-Graduação em Educação

Rua Universitária, 2069 - Jardim Universitário
Cascavel – Paraná - CEP: 85819-110
E-mail: educereeteducare@gmail.com