OS INSTITUTOS FEDERAIS DE EDUAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA: DOS MOTIVOS PARA A SUA CONSTITUIÇÃO À PRODUÇÃO DA CIÊNCIA E DA TECNOLOGIA

Marcos Aurelio Schwede, Domingos Leite Lima Filho

Resumo

Em um primeiro momento, analisa-se os motivos que levaram à constituição dos Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia – IF em 2008, quando da emissão da Lei 11.892. Sendo a pesquisa uma das novas atribuições destas instituições, através de investigação realizada no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Santa Catarina – IFSC, realiza-se, em uma segunda etapa, a análise de qual a finalidade da pesquisa neste contexto. Como resultados, verifica-se que os IF são criados, em grande medida, a partir de um tensionamento de forças entre os interesses de reprodução do capital e o papel do estado como concretizador destes interesses. Quanto à finalidade da pesquisa no IFSC, verifica-se que a instituição vem participando de um processo dialógico, constituído historicamente, de produção da C&T com a finalidade de gerar inovações com forte vinculação aos interesses mercantis. Por outro lado, verifica-se o cerceamento do acesso aos conhecimentos científicos e tecnológicos para grande parcela dos trabalhadores.

Palavras-chave

Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia; Ciência e Tecnologia; Trabalho e Educação.

Texto completo:

PDF