NOVAMENTE ORDEM E PROGRESSO?

Elomar Tambara

Resumo

A divisa Ordem e Progresso representa uma das ideias motoras da ideologia positivista, particularmente a de cunho comtiano. Reincidentemente esta formulação doutrinária tem aparecido mostrando, sob certo aspecto, a “fecundidade” deste ideário no sentido de legitimar uma dada concepção de mundo. O caráter autoritário e conservador inerente a esta divisa tem demonstrado quão útil tem sido sua utilização como uma efetiva violência simbólica no sentido de conseguir uma anuência consentida dos dominados ao projeto sócio-político das elites. De modo que o ressurgimento deste dístico como aparato publicitário revela que o projeto conservador da classe dominante brasileira continua presente. Este trabalho analisa alguns aspectos da natureza e constituição do lema “Ordem e Progresso” com ênfase na assunção efetuada pela corrente filiada às formulações ortodoxas de Augusto Comte.

Palavras-chave

Ordem e Progresso; Positivismo; Augusto Comte

Texto completo:

PDF