ORDEM E PROGRESSO: (DES) ESTABILIDADE POLÍTICA E DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO NO BRASIL

José Alves Dias

Resumo

A proposta do artigo é analisar a relevância dos lemas positivistas para a manutenção da estabilidade política e econômica no Brasil de forma a garantir que, mesmo em momentos de transição, não ocorressem rupturas significativas que alterassem o modelo de estratificação social.  A abordagem do tema por essa perspectiva pretende demonstrar que a manutenção da ordem social é imprescindível ao progresso econômico pretendido pela classe dominante, mas que, ao contrário, as melhorias econômicas não indicam, necessariamente, a tranquilidade dos setores oponentes, ainda que esta seja a aspiração dos grupos encastelados no poder ou dirigentes da produção. A exposição dos fatos históricos ocorridos ao longo do século XX demonstra que as crises políticas ocorreram tanto em função da estagnação quanto do desenvolvimento econômico e que ambos, também, podem coincidir com estabilidade política.

Palavras-chave

positivismo, política, economia

Texto completo:

PDF