FINITUDE DA VIDA E EDUCAÇÃO: O CINEMA NA CONSTRUÇÃO DE VALORES LAICOS

Edilson Antedomenico, Marcia Reami Pechula

Resumo

Neste trabalho apresentamos alguns resultados da pesquisa de Mestrado desenvolvida junto ao Departamento de Educação da Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquista Filho”, Campus de Rio Claro, entre 2012 e 2014, com o título: “O biodireito na interface entre ciência e ficção: um estudo do imaginário social a partir da análise do filme Mar Adentro”. Para tanto, o presente artigo está estruturado em duas partes: na primeira, é feito um estudo para a compreensão dos aspectos éticos envolvidos com a terminalidade da vida humana, de modo a demonstrar a importância do processo educacional para a tomada de decisões mais livres, justas e conscientes. Na segunda parte, é feita uma leitura do filme Mar Adentro, cujas abordagens dilemáticas em torno da vida, da morte, da eutanásia, do suicídio assistido e do direito de morrer com dignidade permitem verificar se o filme pode contribuir para a ampliação dos conhecimentos necessários à reflexão bioética.

Palavras-chave

Eutanásia; Educação; Cinema.

Texto completo:

PDF