O PROCESSO DE FORMAÇÃO DE CONCEITOS SOB O OLHAR DA PSICOLOGIA HISTÓRICO-CULTURAL

Elisabeth Rossetto, Jeani Escher Schmidt, Naiara Aparecida Nascimento

Resumo

Este artigo foi fundamentado nos pressupostos da Psicologia Histórico-Cultural a respeito da formação do psiquismo humano na busca de compreender como ocorre o processo da Formação de Conceitos desde a infância até a adolescência. Para tanto, realizou-se uma pesquisa teórico/bibliográfica de natureza qualitativa, na qual foram efetuadas uma série de estudos individuais e em grupo para refletir e discutir elementos importantes desse processo, todos pautados em Vigotski (2001, 2009) e em autores que coadunam-se ao seu pensamento. A partir desse estudo, foi possível identificar as etapas do processo de Formação de Conceitos e compreender o uso de signos e de instrumentos como elementos de destaque nesse percurso, bem como a fala como ferramenta de interação social no desenvolvimento do pensamento da criança em idade escolar. Nesse sentido, compreender o processo de Formação de Conceitos contribui para aprimorar a prática pedagógica do professor, que se constitui como mediador do conhecimento no espaço escolar, o qual representa a principal fonte de desenvolvimento dos conceitos científicos, pois provoca avanços que não ocorreriam espontaneamente.

Palavras-chave

formação de conceitos; psicologia histórico-cultural; psiquismo humano.

Texto completo:

PDF