A VIRADA PRAGMÁTICA E A EDUCAÇÃO: IMPLICAÇÕES DO DEBATE ENTRE RICHARD RORTY E JÜRGEN HABERMAS

Valter Bracht, Felipe Quintão de Almeida

Resumo

A pesquisa trata da presença da virada pragmática no campo educacional. Elege, para esse objetivo, a interlocução entre dois dos principais responsáveis pelo desenvolvimento da lingustic turn no discurso filosófico do Ocidente e que hoje estão envolvidos em uma importante disputa acerca da questão. São eles os filósofos Richard Rorty e Jürgen Habermas. Após expor o debate travado entre Rorty e Habermas, assumindo, como chave de leitura, a posição de ambos a respeito do tema da verdade, procura extrair algumas conseqüências para a relação entre as teorias e as práticas pedagógicas na educação.

Palavras-chave

Virada pragmática; Neopragmatismo; Teoria pedagógica.

Texto completo:

PDF