A ditadura militar e a face maternal da repressão

Rosemeri Moreira, Cristina Scheibe Wolff

Resumo

Este texto discute a utilização do gênero na construção  da  imagem  da  policial  militar,  no momento  de  inclusão  de  mulheres  na  Polícia Militar do Estado do Paraná na década de 1970 e na  prática  das  policiais  paulistas  na  década  de 1960. A construção da mulher policial militar faz parte das práticas repressivas duplamente: ao se
contrapor/sobrepor  e  impor  às  mulheres  que ingressam na corporação policial a contenção de si,  com  base  num  ideal  de  feminino,  e principalmente  pela  utilização  dessa  imagem  na
construção de uma auto-imagem humanitária no contexto ditatorial.

Palavras-chave

Ditadura Militar; Gênero e Polícia

Texto completo:

PDF