O PERFIL DO SECRETÁRIO EXECUTIVO FRENTE ÀS NECESSIDADES DAS INSTITUIÇÕES FINANCEIRAS

Caroline Grando, Sâmia Beatrice Gracindo Correa, Rúbia Nara Rinaldi

Resumo


As novas formas de gestão voltadas ao desenvolvimento organizacional redefiniram o papel do secretário executivo e trouxeram maior valorização à profissão, e em 30 de setembro de 1985, a profissão foi regulamentada no Brasil. O avanço da profissão torna-se mais evidente somente no final do século XX, quando em 1999, surge a primeira proposta de Diretrizes Curriculares para os cursos de Secretariado Executivo, na tentativa de direcionar a profissão e garantir um conjunto hegemônico de conhecimentos que permitam aos profissionais ocupar um espaço mais evidente na estrutura organizacional. Dentro desse panorama, este artigo tem por objetivo identificar quais são as características mais relevantes destes profissionais na visão das instituições financeiras, a fim de avaliar como as mudanças no perfil do Secretário Executivo impactaram dentro destas instituições.


Palavras-chave


Secretário Executivo, perfil profissional

Texto completo:

PDF


Direitos autorais



Revista Expectativa

_______________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

ISSN: 1982-3029 (versão eletrônica)

Unioeste

Universidade Estadual do Oeste do Paraná

Campus de Toledo 

Colegiado do Curso de Secretariado Executivo

Rua da Faculdade, 645 - Jd. Santa Maria

85903-000 - Toledo - Paraná;

| revista.expectativa@gmail.com |