O PAPEL DO PROFESSOR NA PROPOSTA DA ANÁLISE DO COMPORTAMENTO

Maria Ester Rodrigues, Juliana Cristina Janke

Resumo


O objetivo do presente artigo é apresentar aos interessados no assunto, numa linguagem científica e acessível, alguns elementos encontrados na literatura da área como importantes para entender o papel do professor identificado com a análise do comportamento aplicada à educação. As funções do professor mais conhecidas são: dirigir o planejamento e execução dos processos de ensino e de aprendizagem, executando uma série de procedimentos que se iniciam com a junção de conhecimentos acerca do repertório inicial dos seus alunos e culmina com a avaliação sistemática do processo, passando pela determinação dos objetivos intermediários e final; definição de conteúdos, materiais e procedimentos de ensino. O professor detém um papel muito importante, que é a responsabilidade pelo planejamento das contingências educativas, e a execução de funções com o auxílio de tecnologias de ensino de inspiração analítico-comportamental, ou pelo domínio de habilidades que permitem ensinar em consonância com os princípios e conceitos da análise do comportamento. 


Palavras-chave


Análise do Comportamento, Educação, Papel do Professor

Texto completo:

PDF


Direitos autorais



Revista Faz Ciência


ISSN 1677-0439 (versão impressa) – ISSN 1983-148X (versão eletrônica)

Unioeste - Universidade Estadual do Oeste do Paraná

Campus de Francisco Beltrão

Rua Maringá, 1200 - Bairro Vila Nova

Francisco Beltrão – Paraná - CEP: 85605-010

revista.fazciencia@unioeste.br |