A APRENDIZAGEM E A LONGEVIDADE BA EMPRESA

Nilsa Maria G. Canterle

Resumo

O presente ensaio, a partir da revisão cias proposições de diversos autores, visa
contextualizar a dinâmica organizacional estabelecendo uma relação entre as
empresas orientadas para a aprendizagem e empresas longevas, utilizando a
abordagem da empresa viva tanto no aspecto orgânico quanto de sua aprendizagem.
Neste caso, significa dizer que há evidências nos pontos analisados de
uma estreita relação entre aprendizagem organizacional e a longevidade. Tais
evidências são consideradas relevantes enquanto chaves para um raciocínio
sistêmico e sustentação de um modelo inovador de gestão no qual a empresa
seja vista como um ente, cuja vida se conduza à semelhança do que ocorre com
os seres humanos.

Texto completo:

PDF