GERAÇÃO DE ENERGIA E RENDA A PARTIR DO TRATAMENTO DOS RESÍDUOS DA SUINOCULTURA

Fabrício Oliveira Leitão, Warley Henrique da Silva

Resumo

A produção de suínos no Brasil é vista como uma atividade potencialmente poluidora, principalmente em virtude do volume de dejetos gerados. Os modelos de produção sustentáveis conduzem mudanças nos sistemas tradicionais de produção, além de proporcionarem incrementos de lucro à atividade através da geração de biogás e posterior conversão em energia. O presente trabalho mensurou a capacidade de geração de energia elétrica através do biogás oriundo do tratamento de dejetos suínos. Os procedimentos metodológicos foram concebidos através de uma revisão sistemática de literatura e de pesquisas de campo. O trabalho demonstrou o grande potencial da geração de energia elétrica em caráter renovável, por meio da utilização do biogás. Em escala mais ampla, pode se tornar uma nova fonte de renda nas propriedades produtoras de suínos, sobretudo frente ao forte aumento do custo da energia elétrica no país, bem como garantir a autossuficiência energética da propriedade produtora de suínos.  

Palavras-chave

Sustentabilidade; Suinocultura; Resíduos; Energia

Texto completo:

PDF