A SOCIOLINGUÍSTICA E O ENSINO DE LÍNGUA PORTUGUESA- UMA PROPOSTA PARA UM ENSINO APRENDIZAGEM LIVRE DE PRECONCEITOS

Maridelma Laperuta Martins

Resumo


Este ensaio expõe os passos de uma iniciante pesquisa cujo objetivo  é desmistificar crenças e atitudes preconceituosas sobre a linguagem, por meio de um trabalho com professores e alunos, a partir de pressupostos teóricos da Teoria Sociolinguística (variação e mudança, homogeneidade e heterogeneidade linguísticas, normas, estigma e  prestígio, etc.). Essa pesquisa tem como hipótese que o preconceito linguístico é, na realidade, social – surge na sociedade – mas é  somente por meio da escola que pode ser realizado um trabalho de conscientização linguística, que possa amenizar discursos e atitudes preconceituosas sobre a linguagem.

Palavras-chave


preconceito linguístico, gramática, ensino.

Texto completo:

PDF


Direitos autorais 1969 Direitos partilhados conforme licença CC BY-NC-SA 4.0

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

REVISTA IDEAÇÃO

____________________________________________________________________________________________________________

e-ISSN: 1982-3010 — ISSN: 1518-6911

Unioeste

Universidade Estadual do Oeste do Paraná

Campus de Foz do Iguaçu

Centro de Educação e Letras

Foz do Iguaçu - Paraná - Brasil

[ ideacao@yahoo.com.br ]