RESENHA ACADÊMICA: UM ESTUDO DA PRODUÇÃO TEXTUAL DE ALUNOS INGRESSANTES NA MODALIDADE À DISTÂNCIA

Karoliny Correia

Resumo

Este artigo focaliza as dificuldades encontradas na produção textual de alunos da primeira fase de um curso de graduação a distância da Universidade Federal de Santa Catarina no que respeita ao trabalho com o gênero discursivo resenha acadêmica. A questão de pesquisa que move este estudo é: Em se tratando das vivências sociais com a modalidade escrita da língua, que fatores são depreensíveis na análise de problemas de adequação ao gênero visibilizados na produção textual de resenhas na esfera acadêmica em curso de Letras Português a distância?  O estudo desenvolvido está ancorado nas teorias de letramento com base em Street (1984; 2003; 2009), Hamilton (2000), Barton e Hamilton (2004), entre outros autores que discutem os novos estudos de letramento por meio de perspectivas etnográficas; bem como nas teorias de gêneros discursivos de Bakhtin e seu Círculo (2003 [1952/53]). Os resultados evidenciam problemas de (não) adequação ao gênero, tanto no que se refere à configuração composicional quanto no que se refere ao conteúdo temático e ao estilo e sinalizam distinções entre práticas de letramento escolares e familiares e práticas de letramento acadêmicas, demandando ressignificações metodológicas na abordagem dos gêneros na esfera acadêmica. O estudo contribui para a área de Linguística Aplicada atentando para a necessidade de se proceder a uma elaboração didática (HALTÉ, 2008) que contemple as vivências dos alunos e suas fragilidades, de forma a incidir sobre elas.

Palavras-chave

Resenha acadêmica. Gêneros discursivos. Letramento.

Texto completo:

PDF