A TRADUÇÃO COMO RECURSO PARA O ENSINO DA DIVERSIDADE LINGUÍSTICA DA LÍNGUA ESTRANGEIRA

Valdecy Oliveira Pontes, Denisia Kênia Feliciano Duarte

Resumo


Muitos foram os papéis da tradução no ensino de língua estrangeira. Esta chegou a ser tanto um instrumento metodológico fundamental, constituindo o núcleo da Abordagem de Gramática e Tradução, como, também, já foi, definitivamente, criticada e excluída da sala de aula, seja do ponto de vista prático ou teórico. Atualmente, com a abordagem comunicativa no ensino de línguas, o estudo das variedades é muito importante para o aprendiz, e, considerando a necessidade de compreender e interpretar os sentidos de uma palavra dentro de um contexto sociocultural específico ao traduzir, é de suma importância a retomada da variação sociolinguística no texto que será traduzido. Deste modo, o nosso objetivo é mostrar, por meio de uma análise reflexiva, que a tradução pode ser um recurso pedagógico para o ensino da diversidade em língua estrangeira. Para nortear este estudo, basear-nos-emos nos pressupostos teóricos da tradução desde a época de Cícero e San Jerónimo até os tempos atuais.


Palavras-chave


Tradução; Variação Linguística; Ensino de Língua Estrangeira.

Texto completo:

PDF


Direitos autorais



Revista Línguas & Letras


e-ISSN: 1981-4755 — ISSN: 1517-7238

Unioeste - Universidade Estadual do Oeste do Paraná
Campus de Cascavel
Programa de Pós-Graduação em Letras 

Rua Universitária, 2069 - Jardim Universitário
Cascavel – Paraná - CEP: 85819-110

| revistalinguaseletras@gmail.com |