OS FATORES EXTRALINGUÍSTICOS NO USO DO VOSEO ARGENTINO: UMA PROPOSTA DIDÁTICA A PARTIR DA TRADUÇÃO DE TIRAS CÔMICAS

Valdecy Oliveira Pontes, Livya Lea Oliveira Pereira, Jéssika Oliveira Brasil

Resumo


No processo tradutório, a análise dos fatores intra e extratextuais permite que o tradutor identifique quais aspectos do texto base terão que ser adaptados ou não na tradução à cultura do texto meta (NORD, 2012). Fato que possibilita uma aproximação entre a Sociolinguística e os Estudos da Tradução, já ressaltada por Mayoral (1998), Bolaños-Cuéllar (2000), entre outros. Assim, este artigo busca elaborar uma proposta de atividade com o uso da tradução, na perspectiva da Tradução Funcionalista e pedagógica, objetivando a conscientização e ensino de fatores extralinguísticos no uso do voseo argentino à aprendizes brasileiros de espanhol do ensino médio. Para tanto, a partir de uma discussão teórica acerca do uso da tradução em aulas de língua estrangeira e sobre a aproximação entre a atividade tradutória e o conhecimento da variação linguística, elaboramos uma sequência didática com a tradução de tiras cômicas argentinas ao português brasileiro. Nesta sequência didática, elaboramos um roteiro de análise das tiras cômicas com base no modelo pré-translatório proposto por Nord (2012), que poderá contribuir à elaboração de propostas didáticas neste viés teórico.

 


Palavras-chave


Tradução. Variação Linguística. Voseo argentino.

Texto completo:

PDF


Direitos autorais



Revista Línguas & Letras

 


e-ISSN: 1981-4755 — ISSN: 1517-7238

Unioeste - Universidade Estadual do Oeste do Paraná
Campus de Cascavel
Programa de Pós-Graduação em Letras 

Rua Universitária, 2069 - Jardim Universitário
Cascavel – Paraná - CEP: 85819-110

| revistalinguaseletras@gmail.com |