O PROCESSO DEMONÍACO DA CRIANÇA NO ROMANCE O MORRO DOS VENTOS UIVANTES: PERSPECTIVAS DO MAL NA LITERATURA

Margarida Pontes Timbó

Resumo


Este artigo aponta possibilidades de leitura a partir dos estudos relacionados à infância e a noção do mal na literatura. O debate foi possível a partir de dois trajetos: a) a leitura do romance O Morro dos Ventos Uivantes, da escritora inglesa Emily Brontë (2007); b) o estudo analítico feito acerca do mal na literatura com base nas aulas do Programa de Pós-Graduação em Letras, da Universidade Federal do Ceará. O trabalho procura articular alguns aspectos demoníacos da criança, sobretudo, aqueles visualizados no personagem Heathcliff capazes de aproximá-lo das perspectivas do mal discutidas por Ricoeur (1988) e Bataille (1989). Esperamos que o texto possibilite uma análise sistemática do mal e o modo como se apresenta na infância de alguns personagens.

Palavras-chave


Literatura. Infância. Mal

Texto completo:

PDF


Direitos autorais



Revista Línguas & Letras

 


e-ISSN: 1981-4755 — ISSN: 1517-7238

Unioeste - Universidade Estadual do Oeste do Paraná
Campus de Cascavel
Programa de Pós-Graduação em Letras 

Rua Universitária, 2069 - Jardim Universitário
Cascavel – Paraná - CEP: 85819-110

| revistalinguaseletras@gmail.com |