Novas Técnicas Produtivas em Região de Fronteira: Mesorregião Oeste do Paraná (1960 – 1980)

Vânia Salete Klein de Oliveira, José Edézio da Cunha

Resumo

Considerando que, a inovação de técnicas produtivas acarretou mudanças significativas nas formas de produção agrícola, esse artigo tem o objetivo de analisar as implicações socioambientais ocorridas na Mesorregião Oeste do Paraná de 1960 a 1980, principal período de implantação da modernização agropecuária. O estudo pautado em revisão bibliográfica e análise de dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), além de contribuírem para a elaboração de gráficos e quadros, foram considerados significativos para a análise e discussão dos resultados. Fundamentado nos dados obtidos foi constatado que o período de 1960 a 1980, marcado pela inovação de técnicas produtivas, contribuiu com a intensificação do desmatamento, da ampliação da mecanização agrícola, da substituição da mão-de-obra, da ampliação das lavouras temporárias, do uso de agrotóxicos e da adubação química e da poluição dos rios.

Palavras-chave

Inovação técnica; Migração; Socioambiental.

Texto completo:

PDF