Desempenho do capim-tanzânia cultivado em solução nutritiva com a omissão de macronutrientes

R. H. Hojo, C. C. Avalhães, D. W. Vale, R. M. Prado, U. V. Pimentel

Resumo

Os efeitos da  desordem nutricional na planta depende do nutriente e da espécie cultivada. O experimento foi desenvolvido com o objetivo de avaliar o efeito dos macronutrientes sobre a nutrição e o crescimento de plantas de Panicum maximum cv. Tanzânia, cultivado em solução nutritiva. As plantas do capim-Tanzânia foram
cultivadas em vasos contendo solução nutritiva correspondendo a sete tratamentos sendo a completa e com ausência individual N, P, K, Ca, Mg e S, dispostos em delineamento inteiramente  casualizado e três repetições. Após a descrição da sintomatologia dos nutrientes não aplicados, as plantas foram colhidas, 45 dias após o transplante, divididas em raiz e parte aérea e determinado os teores de macronutrientes. A supressão dos macronutrientes em capim-tanzânia provocou diminuição na produção de matéria seca destacando-se o nitrogênio, e na absorção de nutrientes,  promovendo sintomas visuais característica para cada nutriente. Os teores dos macronutrientes na parte aérea do capim da solução nutritiva completa e com omissão dos nutrientes foram
respectivamente: N = 23,6-11,4; P = 1,7-0,3; K = 15,2-2,0; Ca = 3,8-0,7; Mg = 3,0-0,3; S = 1,0-0,6 g kg-1
.

Palavras-chave

Ausência de nutrientes, sintomas, Panicum maximum

Texto completo:

PDF