Aspectos sobre a utilização de aminoácidos totais e digestíveis nas rações para poedeiras

Jalceyr Pessoa Figueiredo Júnior, Fernando Guilherme Perazzo Costa, Germano Augusto Jerônimo Nascimento, Marcelo Helder Medeiros Santana

Resumo


A modernização da avicultura de postura resultou em aves mais produtivas, com menor peso corporal, baixo consumo de ração e maior eficiência produtiva. Esta modernização resultou na necessidade de programas de alimentação cada vez mais modernos e eficientes metabolicamente, principalmente para aminoácidos, atendendo a demanda biológica de manutenção, ganho e produção das aves. Neste contexto, o conhecimento das formas de suplementação dos aminoácidos nas dietas, na base total ou digestível, é fundamental devido a sua participação na formação da franga, bem como na produção e qualidade de ovos das poedeiras e diminuição nos custos de produção. Dietas formuladas com base em aminoácidos digestíveis podem proporcionar maximização produtiva e econômica e redução na excreção de nitrogênio pelas aves. Os métodos para determinação da digestibilidade dos aminoácidos nos alimentos podem ser: in vitro, indiretos e diretos, sendo este último o mais utilizado cientificamente.

Palavras-chave


exigências nutricionais, produção e qualidade de ovos, proteína ideal

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.18188/sap.v13i3.7456

Incluir comentário

Revista Scientia Agraria Paranaensis

Unioeste - Universidade Estadual do Oeste do Paraná

Campus de Marechal Cândido Rondon

ISSN: 1983-1471 - (versão eletrônica)

Centro de Ciências Agrárias

Rua Pernambuco 1777 — Caixa Posta 91

CEP 85960-000 Marechal Cândido Rondon — Paraná — Brasil

E-mail: revista.sap@unioeste.br

Fone: (45) 3284 7901