À imagem do invisível: notas sobre contos de Sérgio Sant´Anna

Tereza Virginia de Almeida

Resumo


Este artigo aborda a última parte do livro de Sergio Sant‘Anna O vôo da madrugada publicado em 2004. O segmento em questão é composto por três contos que têm em comum o fato de se apresentarem como escritas sobre representações visuais, sejam pictóricas ou fotográficas. As questões envolvidas na problematização da referência são centrais em narrativas narcisistas. O que o artigo tenta mostrar, a partir das propostas de Hans Ulrich Gumbrecht em Production of presence: what meaning cannot convey, é o quanto estas mesmas questões podem remeter a uma reflexão acerca do imaginário em suas relações com a matéria em qualquer ato de representação. Neste sentido, a investigação de Sergio Sant‘Anna pode ser pensada como uma experiência que lida com os limites materiais entre a  pintura e a escrita.


Palavras-chave


ficção contemporânea; imagem; materialidade

Texto completo:

PDF


Direitos autorais