Dossiê "Poliamor e amores livres" - submisão de artigos até 31/08/2017

O poliamor e os amores livres desafiam ideias, práticas e instituições de modo a gerar impactos na sociedade, política e cultura contemporâneas. Ao afirmarem - com suas identidades e práticas sociais - a possibilidade e validade de amar mais de uma pessoa e viver relacionamentos íntimos - afetivos, eróticos e/ou sexuais - múltiplos e simultâneos, permitem refletir sobre o mito do amor romântico e sobre a hegemonia do casanmento monogâmico e heteronormativo