BRASIL - PARAGUAI: CONSIDERAÇÕES SOBRE A “FRONTEIRA DO CONSUMO”

Luana Caroline Künast Polon

Resumo

A fronteira que separa, mas também une, os municípios de Foz do Iguaçu (Brasil) e Ciudad del Este (Paraguai) pode ser considerada como a “fronteira do consumo”. Este ambiente fronteiriço é criado e recriado diariamente com base nas relações transfronteiriças que ali se estabelecem. O centro comercial de Ciudad del Este ficou conhecido mundialmente na década de 1990 devido à expressividade das relações de comércio e consumo que lá se desenrolavam. Ciudad del Este chegou a ser considerada o terceiro maior centro comercial mundial, mas, com o decorrer dos anos, foi perdendo um pouco de sua representatividade. Anos recentes mostram um decréscimo nas vendas na cidade paraguaia, mas, nem por isso, Ciudad del Este deixou de ser destino de diversos turistas-consumidores. Assim, o presente artigo é uma síntese da Dissertação de Mestrado em Geografia, defendida no ano de 2014, intitulada “A fronteira do consumo: relações transfronteiriças entre Foz do Iguaçu (BR) e Ciudad del Leste (PY)”. O artigo em questão compreende algumas das considerações obtidas ao longo da pesquisa realizada no âmbito do Mestrado.

Palavras-chave

Fronteira; Brasil; Paraguai; Consumo.

Texto completo:

PDF