CULTURA AFRICANA NA LITERATURA INFANTIL BRASILEIRA

Vera Regina Vargas Dupont

Resumo


Este artigo tem como objetivo a análise de como a cultura africana é resgatada na literatura infantil brasileira, através de uma pesquisa bibliográfica e analítica nos livros. Deste modo, obras como A botija de Ouro, Dudu Calunga e Berimbau, do escritor brasileiro Joel Rufino dos Santos, são algumas das narrativas infantis analisadas, em que há a presença de mitos e crenças africanas que são narradas e contadas a partir do ponto de vista do negro, sendo laços simbólicos que sustentam a identidade entre sociedades de tempos diferentes. Outras obras de autores como Ruth Rocha e Heloísa Pietro Pires também estão entre as narrativas analisadas.Para que este trabalho se realizasse, buscou-se o embasamento teórico em autores como 

Palavras-chave


Literatura Infantil; cultura africana; mitos.

Texto completo:

PDF


Direitos autorais



Revista Trama

______________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

e-ISSN 1981-4674 

Unioeste

Universidade Estadual do Oeste do Paraná

Campus de Marechal Cândido Rondon 

Colegiado do Curso de Letras

Rua Pernambuco, 1777

Marechal Cândido Rondon - Paraná

Caixa Postal 91 - CEP: 85960-000

| trama.unioeste@gmail.com |