APLICAÇÃO DE LIDOCAÍNA GEL A 2% NO CATETERISMO URINÁRIO: REVISÃO INTEGRATIVA DA LITERATURA

Reginaldo Passoni dos Santos, Daniela Patricia Tres, Jéssica Rosin, Roger Rodrigues Peres, Ariana Rodrigues da Silva Carvalho

Resumo


Objetivo: Descrever as contribuições das produções científicas sobre a aplicação da lidocaína gel a 2% no cateterismo urinário masculino. Materiais e Métodos: Este estudo tratou-se de uma revisão integrativa da literatura, a qual foi desenvolvida a partir de buscas nas bases de dados: LILACS (Literatura Latino-americana e do Caribe em Ciências da Saúde); MEDLINE® via PubMed. Os descritores utilizados foram “cateterismo urinário”, “lidocaína” e “masculino”, bem como seus correspondentes em inglês. Estabeleceram-se como critérios de inclusão: artigos originais, publicados no período 2004-2014, nos idiomas português, inglês e espanhol, com texto online disponível na íntegra. A busca ocorreu no mês de abril de 2015. Resultados: a amostra final foi composta por quatro artigos que trazem a aplicação da lidocaína 2% gel intra uretral no processo de cateterização vesical para lubrificação e analgesia. Conclusões: Tendo em vista as similaridades da não significância estatística quanto a instilação ou não da lidocaína na uretra, sugere-se a necessidade de desenvolvimento de novos estudos que abordem o tema, assim como a adoção de protocolos institucionais com base na Agência Nacional de Vigilância Sanitária para a prática clínica. 

Texto Completo: PDF

Revista Varia Scientia - Ciências da Saúde


e-ISSN 2446-8118

Unioeste
Universidade Estadual do Oeste do Paraná
Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação
Rua Universitária, 1619 - Jardim Universitário
Cascavel – Paraná - CEP: 85819-110

| revista.vscsaude@unioeste.br |

 

Sobre o Projeto SABER | Unioeste | IBICT