ENFERMAGEM E ALOJAMENTO CONJUNTO PEDIÁTRICO: REVISÃO DE LITERATURA

Leticia da Silva Schran, Vanessa Bordin, Beatriz Rosana Gonçalves de Oliveira Toso

Resumo

Introdução: A partir da criação do Estatuto da Criança e do Adolescente, sob a ótica de novas políticas públicas para a criança hospitalizada, adotou-se o sistema de alojamento conjunto pediátrico (ACP), a fim de propiciar a presença da mãe e/ou outro familiar significativo à criança. Assim, o questionamento deste estudo foi: como o ACP tem sido abordado em publicações científicas na área da saúde entre os anos de 2000 a 2015? Objetivo: Identificar na literatura científica nacional, as produções da área da enfermagem, acerca do ACP. Métodos: Trata-se de uma revisão de literatura. Foram analisadas 14 publicações, e dessas emergiram três eixos temáticos: Alojamento conjunto e a criança hospitalizada; Percepção da família acerca da hospitalização da criança e; O papel da equipe de enfermagem na assistência à criança e adolescente hospitalizado. Resultados/Discussão: No primeiro eixo verificou-se a evolução da assistência à saúde da criança caminhando rumo ao sistema de ACP. Abordou-se as mudanças no processo de trabalho da equipe de saúde, que passa a considerar a presença da família na recuperação da criança. No segundo eixo, compreendeu-se os desafios enfrentados pela família ao acompanhar o filho durante a internação hospitalar. E no terceiro eixo, entendeu-se o papel da equipe de enfermagem e suas contribuições à criança hospitalizada e sua família. Conclusão: A revisão de literatura, possibilitou o entendimento do sistema de ACP nos últimos anos, envolvendo a percepção da família a respeito da hospitalização da criança e considerando também, o papel da equipe de enfermagem frente a esse processo. 

Palavras-chave

Alojamento Conjunto; Pediatria; Criança Hospitalizada; Enfermagem Pediátrica.

Texto completo:

PDF