A CONSULTA DE ENFERMAGEM EM PUERICULTURA NA ESTRATÉGIA SAÚDE DA FAMÍLIA

Tamara Tasca Faller, Beatriz Rosana Gonçalves de Oliveira Toso, Cláudia Silveira Viera, Maria Aparecida Baggio

Resumo

Objetivo: Descrever a consulta de enfermagem em puericultura, identificando as características de seu processo de desenvolvimento. Metodologia: Pesquisa descritiva, exploratória e transversal, cujos dados foram colhidos entre julho e agosto de 2017, em oito unidades de saúde da família, por observação não participante, com instrumento previamente validado, durante as consultas de enfermagem em puericultura. A análise foi estatística descritiva. Resultados: O acolhimento da criança e seu cuidador ocorreu em consonância com as premissas da saúde da família. A anamnese esteve restrita à questionamentos sobre intercorrências e alimentação. A avaliação do crescimento ocorreu conforme o preconizado, contudo, medidas como os perímetros torácico e abdominal não foram verificados. O exame físico se mostrou incompleto. A avaliação da situação vacinal ocorreu sempre. As orientações fornecidas se mostraram insuficientes. Os dados foram registrados na caderneta de saúde da criança e no prontuário, com exceção dos marcos do desenvolvimento. Conclusão: A consulta de puericultura por enfermeiros de saúde da família privilegia aspectos como presença de intercorrências e alimentação da criança, avalia o crescimento e a imunização. A avaliação do desenvolvimento e orientações próprias a cada faixa etária são incompletas.

Palavras-chave

Atenção primária à saúde; saúde da criança; consulta de puericultura.

Texto completo:

PDF