Atuação do profissional de enfermagem esportiva: uma breve revisão

Autores

  • José Cleyton de Oliveira Santos Universidade Federal de Sergipe (UFSE), Aracajú https://orcid.org/0000-0001-5616-7625
  • Wanessa Alves Silva Universidade Federal de Sergipe (UFSE), Aracajú https://orcid.org/0000-0003-2695-4227
  • Gustavo Santos das Mercês Universidade Federal de Sergipe (UFSE), Aracajú https://orcid.org/0000-0002-0674-7004
  • Marcela de Souza Cruz Universidade Federal de Sergipe (UFSE), Aracajú https://orcid.org/0000-0002-3661-4499
  • Luan dos Santos Fonseca Universidade Federal de Sergipe (UFSE), Aracajú https://orcid.org/0000-0002-2981-7327
  • Laíse Luemmy de Lima Ferreira Universidade Federal de Sergipe (UFSE), Aracajú
  • Beatriz Correia Carvalho Universidade Federal de Sergipe (UFSE), Aracajú
  • Thaís Santos de Matos Universidade Federal de Sergipe (UFSE), Aracajú

DOI:

https://doi.org/10.36453/cefe.2022.28253

Palavras-chave:

enfermagem, cuidado de enfermagem, esportes

Resumo


INTRODUÇÃO: A enfermagem esportiva é uma especialidade de cuidado voltada para a oferta de assistência na busca por prevenção, promoção e reabilitação do paciente/atleta.
OBJETIVO: Este estudo objetiva sintetizar o conhecimento sobre a atuação do profissional de enfermagem dentro da oferta de cuidados no contexto esportivo.
MÉTODOS: Trata-se de uma revisão narrativa de literatura, de natureza qualitativa e realizada nos meses de junho a agosto de 2021 na Biblioteca Virtual de Saúde e no Google Acadêmico com os descritores “enfermagem”, “cuidado de enfermagem” e “esportes”, para responder à pergunta norteadora “Qual a atuação da enfermagem na assistência prestada no contexto dos cuidados na prática esportiva?”
RESULTADOS: Foi observado que a enfermagem atua intervindo e orientando os praticantes de atividade física sobre suas queixas, coletam histórico, promovem orientações e encaminhamentos necessários. A enfermagem também se envolve nas ações de reabilitação e nas urgências e emergências esportivas de maneira a conseguir identificar as reais necessidades de saúde e orientar para um acompanhamento ou tratamento adequado.
CONCLUSÃO: Percebe-se, portanto, o papel do enfermeiro na promoção de saúde, prevenção de lesões e reabilitação de ações voltadas ao praticante de atividade física, embora historicamente sua ação majoritária seja voltada para emergência esportivas. Assim, deve-se expandir a visão para a promoção de um cuidado efetivo a grupos que necessitam de tal assistência, bem como destaca-se a necessidade de ampliar a literatura existente sobre essa atuação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

José Cleyton de Oliveira Santos, Universidade Federal de Sergipe (UFSE), Aracajú

Acadêmico de Enfermagem, Universidade Federal de Sergipe (UFS).

Wanessa Alves Silva , Universidade Federal de Sergipe (UFSE), Aracajú

Acadêmica de Enfermagem, Universidade Federal de Sergipe (UFS).

Gustavo Santos das Mercês, Universidade Federal de Sergipe (UFSE), Aracajú

Acadêmico de Enfermagem, Universidade Federal de Sergipe (UFS).

Marcela de Souza Cruz, Universidade Federal de Sergipe (UFSE), Aracajú

Acadêmica de Odontologia, Universidade Federal de Sergipe (UFS).

Luan dos Santos Fonseca , Universidade Federal de Sergipe (UFSE), Aracajú

Acadêmico de Enfermagem, Universidade Federal de Sergipe (UFS).

Laíse Luemmy de Lima Ferreira, Universidade Federal de Sergipe (UFSE), Aracajú

Acadêmica de Enfermagem, Universidade Federal de Sergipe (UFS).

Beatriz Correia Carvalho, Universidade Federal de Sergipe (UFSE), Aracajú

Acadêmica de Enfermagem, Universidade Federal de Sergipe (UFS).

Thaís Santos de Matos, Universidade Federal de Sergipe (UFSE), Aracajú

Enfermeira, Universidade Federal de Sergipe (UFS).

Especialista em Saúde Coletiva, Faculdade Venda Nova do Imigrante (FAVENI).

Referências

BACON, C. E. W.; ERICKSON, C. D.; KAY, M. C.; WEBER, M. L.; MCLEOD, T. C. V. School nurses’ perceptions and experiences with an interprofessinal concussion management team in the secondary school setting. Journal of Interprofessional Care, London, v. 31, n. 6, p. 725-33, 2017. DOI: <https://doi.org/10.1080/13561820.2017.1345873>.

BRIGHAM, E.; BRADY, J.; OLYMPIA, R. P. School nurses on the front lines of medicine: emergencies associated with sport and physical activities: Part 1. NASN School Nurse, online, Silver Spring, v. 34, n. 3, p. 155-61, 2019. Disponível em: <https://pesquisa.bvsalud.org/portal/resource/pt/mdl-30741088>. Acessado em: 18 de agosto de 2021.

CASTRO JÚNIOR, A. R.; OLIVEIRA, M. A.; SILVA, M. R. F. Promovendo educação em saúde com adolescentes: estratégia didática e experiência discente. Saúde em Redes, Porto Alegre, v. 5, n. 2, p. 175-84, 2019. Disponível em: <http://revista.redeunida.org.br/ojs/index.php/rede-unida/article/view/2278/pdf>. Acessado em: 22 de agosto de 2021.

COFEN. Conselho Federal de Enfermagem. Resolução COFEN n° 610/2019. Altera a resolução COFEN n° 581/2018, que atualiza, no âmbito do Sistema COFEN/Conselhos Regionais de Enfermagem, os procedimentos para Registro de Títulos de Pós-graduação Lato e Stricto Sensu concedido a Enfermeiros e aprova a lista das especialidades. Brasília: COFEN, 2019. Disponível em: <http://www.cofen.gov.br/wp-content/uploads/2019/08/RESOLU%C3%87%C3%83O-COFEN-N%C2%B0-610-2019.pdf>. Acessado em: 22 de setembro de 2021.

COUTO, G. M. A. Autonomia/independência no autocuidado: sensibilidade aos cuidados de enfermagem de reabilitação. 2012. 160f. Tese (Mestrado em Enfermagem) - Escola Superior de Enfermagem do Porto, Porto, 2012. Disponível em: <https://comum.rcaap.pt/bitstream/10400.26/9323/1/MER%20_Gl%C3%B3ria%201621_.pdf>. Acessado em: 02 de setembro de 2021.

ERDMANN, A. L.; NASCIMENTO, K. C.; SILVA, G. K.; RAMOS, S. L. Cuidado de enfermagem e educação em saúde com profissionais do surf. Cogitare Enfermagem, Curitiba, v. 12, n. 2, p. 241-7, 2007. Disponível em: <https://revistas.ufpr.br/cogitare/article/view/7628>. Acessado em: 18 de agosto de 2021.

FRAGA, G. S.; BRITO, F. S.; SANTO, R. S. M. O papel da enfermagem na ciência do esporte. In: 19° Semana de Pesquisa da Universidade Tiradentes “Matemática para o desenvolvimento da Ciência”, 19., 2017, [s.l.]. Anais Eletrônicos... [s.l.]: UNIT, 2017. Disponível em: <https://eventos.set.edu.br/sempesq/article/view/7585>. Acessado em: 18 de agosto de 2021.

FRANÇA, I. S. X.; BAPTISTA, R. S.; BRITO, V. R. S.; SOUZA, J. A. Enfermagem e práticas esportivas: aprendendo com os dilemas éticos. Revista Brasileira de Enfermagem, Brasília, v. 60, n. 6, p. 724-7, 2007. Disponível em: <https://www.scielo.br/j/reben/a/C5hNtLS6pMc8GGTwwDnLGcR/?lang=pt>. Acessado em: 18 de agosto de 2021.

HEIDEMANN, M. A enfermagem esportiva – proposta de consulta de enfermagem em academia de ginástica e musculação. Revista Brasileira de Enfermagem, Brasília, v. 40, n. 4, p. 190-2, 1987. DOI: <https://doi.org/10.1590/S0034-71671987000400003>.

INCHAUSPE, R. M.; BARBIAN, P. M.; SANTOS, F. L. P.; SILVA, M. S. The multidisciplinar team in sports: a narrative review. Revista Eletrônica Acervo Saúde, São Paulo, v. 12, n. 1, e1760, 2020. Disponível em: <https://acervomais.com.br/index.php/saude/article/view/1760/1153>. Acessado em: 03 de dezembro de 2021.

KOEPP, J.; SILVA, A. C. F.; CARISSIMI, D. K. W.; BARON, M. V.; COSTA, B. E. P. Atleta paralímpico e o cuidado multiprofissional. In: CASTRO, L. H. A.; PEREIRA, T. T.; MORETO, F. V. C. (Org.). Propostas, recursos e resultados nas ciências da saúde 3. Ponta Grossa: Atena, 2020. p. 97-104. Disponível em: <https://repositorio.pucrs.br/dspace/bitstream/10923/17613/2/ATLETA_PARALIMPICO_E_O_CUIDADO_MULTIPROFISSIONAL.pdf>. Acessado em: 22 de setembro de 2021.

LIMA, A. K. L.; NEVES, J. C.; CARDOSO, L. S. P.; SILVA, A. A.; OLIVEIRA, L. S.; RODRIGUES, R. L.; ...; AROUCHA, L. A. G. Atuação da enfermagem na prevenção da hipertensão arterial. Revista Eletrônica Acervo Saúde, São Paulo, v. 13, n. 5, p. 1-8, 2021. DOI: <https://doi.org/10.25248/REAS.e7373.2021>.

LOURENÇO, B. S.; PERES, M. A. A.; PORTO, I. S.; OLIVEIRA, R. M. P.; DUTRA, V. F. D. Atividade física como estratégia terapêutica em saúde mental: revisão integrativa com implicação para o cuidado de enfermagem. Revista Escola Anna Nery, Rio de Janeiro, v. 21, n. 3, 2017. DOI: <https://doi.org/10.1590/2177-9465-EAN-2016-0390>.

MARTINS, M. M.; SOUSA, L. Atividade física e exercício físico: fundamentos e aplicações em enfermagem de reabilitação. Revista Portuguesa de Enfermagem de Reabilitação, Silvalde, v. 2, n. 1, p. 4-5, 2019. Disponível em: <http://rper.aper.pt/index.php/rper/article/view/140/93>. Acessado em: 16 de fevereiro de 2022.

MATSUDO, V. K. R.; MATSUDO, S. M. M. Evidências da importância da atividade física nas doenças cardiovasculares e na saúde. Diagnóstico e Tratamento, São Paulo, v. 5, n. 2, p. 10-7, 2000. Disponível em: <https://pesquisa.bvsalud.org/portal/resource/pt/lil-322203>. Acessado em: 22 de setembro de 2021.

MENDES, R. M.; MISKULIN, R. G. S. A análise de conteúdo como uma metodologia. Caderno de Pesquisa, São Paulo, v. 47, n. 165, p. 1044-66, 2017. DOI: <https://doi.org/10.1590/198053143988>.

OLIVEIRA, L. M. F. T.; SILVA, A. O.; SANTOS, M. A. M.; RITTI-DIAS, R. M.; DINIZ, P. R. B. Exercício físico ou atividade física: qual apresenta maior associação com a percepção da qualidade do sono de adolescentes. Revista Paulista de Pediatria, São Paulo, v. 36, n. 3, p. 322-8, 2018. DOI: <http://dx.doi.org/10.1590/1984 0462/;2018;36;3;00014>.

PRETO, L. S. R.; GOMES, J. R. L.; NOVO, A. F. M. P.; MENDES, M. E. R.; GRANERO-MOLINA, J. Efeitos de um Programa de Enfermagem de Reabilitação na Aptidão Funcional de Idosos Institucionalizados. Revista de Enfermagem Referência, Coimbra, v. 4, n. 8, p. 55-63, 2016. DOI: <http://dx.doi.org/10.12707/RIV15019>.

RAMOS, M. A. P.; BENELI, L. M. O papel do enfermeiro dentro de uma equipe de atletas do esporte adaptado de alto rendimento (rugby) em cadeiras de roda. Lecturas, Educación Física y Deportes, Buenos Aires, Revista Digital, n. 178, 2013. Disponível em: <https://www.efdeportes.com/efd178/o-papel-do-enfermeiro-do-esporte-adaptado.htm>. Acessado em: 18 de Agosto de 2021.

REBMANN, T.; WEAVER, N. L.; ELLIOTT, M. B.; DECLUE, R. W.; PATEL, N. J.; SCHULTE, L. Factors related to injury prevention programming by missouri school nurses. Journal of School Nursing, New York, v. 34, n. 4, p. 292-300, 2018. Disponível em: <https://pesquisa.bvsalud.org/portal/resource/pt/mdl-28835171>. Acessado em: 18 de agosto de 2021.

ROSA, E. F.; SILVA, S. A.; SOUZA, D. G. Assistência de enfermagem humanizada em emergências traumáticas: uma revisão bibliográfica. Revista Recien, São Paulo, v. 9, n. 25, p. 11-7, 2019. DOI: <https://doi.org/10.24276/rrecien2358-3088.2019.9.25.11-17>.

ROTHER, E. T. Revisão sistemática X revisão narrativa. Acta Paulista de Enfermagem, São Paulo, v. 20, n. 2, p. 1-2, 2007. DOI: <https://doi.org/10.1590/S0103-21002007000200001>.

SARAMAGO, T. F. R. Lesões músculo-esqueléticas em jovens desportistas: importância do enfermeiro de reabilitação. 2019. 87f. Tese (Mestrado em Enfermagem de Reabilitação) - Instituto Superior de Saúde de Viseu, Viseu, 2019. Disponível em: <https://repositorio.ipv.pt/bitstream/10400.19/5466/1/TiagoFilipeRodriguesSaramago_DM.pdf>. Acessado em: 18 de agosto de 2021.

SILVA, B. G. A.; MACHADO, A. N.; NÓBREGA, V. M.; OLIVEIRA, R. C.; VAZ, E. M. C.; COLLET, N. Gestão do cuidado à criança/adolescente com doença crônica: (des)articulação da rede e fragmentação das ações. Revista de Enfermagem, Santa Maria, v. 10, e76, p. 1-21, 2020. DOI: <https://doi.org/10.5902/2179769242529>.

SILVA, G. K.; RAMOS, S. L. Enfermagem na atividade física e no esporte: ampliando um novo espaço de trabalho da enfermagem. 2005. 133f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Enfermagem) – Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 2005. Disponível em: <https://repositorio.ufsc.br/bitstream/handle/123456789/118493/242067.pdf?sequence=1>. Acessado em: 22 de setembro de 2021.

SODER, R. M. Promovendo a saúde ao atleta de voleibol: a multidimensionalidade na gestão do cuidado de saúde e enfermagem. 2013. 258f. Tese (Doutorado em Enfermagem) – Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 2013. Disponível em: <https://repositorio.ufsc.br/xmlui/bitstream/handle/123456789/122708/325485.pdf?sequence=1&isAllowed=y>. Acessado em: 05 de junho de 2021.

SODER, R. M.; ERDMANN, A. L.; SILVA, L. A. A.; OLIVEIRA, I. S. Cuidado em saúde e enfermagem no voleibol: revisão integrativa. Arquivos de Ciências da Saúde, Umuarama, v. 21, n. 2, p. 137-43, 2017. DOI: <https://doi.org/10.25110/arqsaude.v21i2.2017.5314>.

SOUSA, S. M.; BERNARDINO, E.; PERES, A. M.; MARTINS, M. M.; GONÇALVES, L. S.; LACERDA, M. R. Atuação do enfermeiro na integração dos cuidados às pessoas com doenças crônicas não transmissíveis. Revista da Escola de Enfermagem, São Paulo, v. 55, e20210131, 2021. Disponível em: <https://www.scielo.br/j/reeusp/a/D6gbBNWzwR8pSJsgSj7DQgw/?lang=pt&format=pdf>. Acessado em: 30 de agosto de 2021.

WEBER, M. L.; BACON, C. E. W.; MCLEOD, T. V. School nurses’ management and collaborative practices for student-athletes following sport-related concussion. Journal of School Nursing, New York, v. 35, n.5, p. 378-87, 2019. Disponível em: <https://pesquisa.bvsalud.org/portal/resource/pt/mdl-29772943>. Acessado em: 18 de agosto de 2021.

Downloads

Publicado

18.03.2022

Como Citar

SANTOS, J. C. de O.; SILVA , W. A. .; MERCÊS, G. S. das .; CRUZ, M. de S. .; FONSECA , L. dos S. .; FERREIRA, L. L. de L.; CARVALHO, B. C.; MATOS, T. S. de. Atuação do profissional de enfermagem esportiva: uma breve revisão. Caderno de Educação Física e Esporte, Marechal Cândido Rondon, v. 20, p. e–28253, 2022. DOI: 10.36453/cefe.2022.28253. Disponível em: https://e-revista.unioeste.br/index.php/cadernoedfisica/article/view/28253. Acesso em: 8 ago. 2022.