LITERATURA NEGRA E DIFERENÇA CULTURAL

Autores

  • Taise Campos dos Santos Pinheiro de Souza

DOI:

https://doi.org/10.48075/rt.v12i25.13757

Palavras-chave:

literatura brasileira, textualidade negra, diferença cultural.

Resumo


No presente trabalho, tecemos uma reflexão sobre as mudanças e implicações resultantes da inserção do eixo étnico-racial na literatura brasileira. Assim, refletimos sobre esse conceito tão instável, a literatura, e sobre as implicações dos estudos culturais em sua reconfiguração. Para tanto, nos embasamos em teóricos como Eagleton (2006), Culler (1999), Cuti (2010), Dalcastagnè (2005), entre outros.  Além de apresentarmos uma revisão sobre conceitos como Literatura negra / afro-brasileira/ afrodescendente, em sua relação conflituosa de ausência/inserção na literatura brasileira, observamos como a emergência de uma textualidade negra conferiu à literatura uma perspectiva marcada pela diferença cultural dos sujeitos escritores e de seus locais de enunciação.

Downloads

Publicado

17-05-2016

Como Citar

SOUZA, T. C. dos S. P. de. LITERATURA NEGRA E DIFERENÇA CULTURAL. Trama, [S. l.], v. 12, n. 25, p. 133–156, 2016. DOI: 10.48075/rt.v12i25.13757. Disponível em: https://e-revista.unioeste.br/index.php/trama/article/view/13757. Acesso em: 11 ago. 2022.

Edição

Seção

Artigos