AQUISIÇÃO BILÍNGUE LIBRAS-PORTUGUÊS POR UMA CRIANÇA CODA

Autores

  • Aline BRANCALIONE Universidade Tecnológica Federal do Paraná, UTFPR, Cãmpus Pato Branco
  • Mirélia Flausino VOGEL
  • Anselmo Pereira de LIMA

DOI:

https://doi.org/10.48075/rt.v14i32.18605

Palavras-chave:

Educação Bilíngue, Libras-Português, Pais surdos, CODAs

Resumo


A pesquisa em fase de construção tem por objetivo principal relatar, pelo olhar da mãe, de identidade surda política, fluente e graduada em Libras, o processo de aquisição da linguagem pelo filho, uma criança ouvinte, num contexto de educação bilíngue: Libras e Língua Portuguesa. Os filhos ouvintes de pais surdos são conhecidos pelo acrônimo da sigla inglesa CODA – Children of Deaf Adults. Eles formam uma comunidade internacional dos filhos ouvintes de pais surdos, cuja primeira língua é a língua de sinais, no caso do Brasil, a Libras. A pesquisa contempla estudos bibliográficos e pesquisa de campo. Para alcançar seu objetivo o estudo adota como fundamentação teórica a teoria Vigotskiana e de seus colaboradores, os quais apresentam estudos sobre o desenvolvimento humano e da linguagem. Espera-se com a realização deste trabalho, contribuir nas investigações sobre a aquisição bilíngue dos CODAs, assim como fornecer à comunidade surda brasileira dados relevantes sobre o assunto pesquisado.

Biografia do Autor

Aline BRANCALIONE, Universidade Tecnológica Federal do Paraná, UTFPR, Cãmpus Pato Branco

Downloads

Publicado

29-06-2018

Como Citar

BRANCALIONE, A.; VOGEL, M. F.; DE LIMA, A. P. AQUISIÇÃO BILÍNGUE LIBRAS-PORTUGUÊS POR UMA CRIANÇA CODA. Trama, [S. l.], v. 14, n. 32, p. 66–76, 2018. DOI: 10.48075/rt.v14i32.18605. Disponível em: https://e-revista.unioeste.br/index.php/trama/article/view/18605. Acesso em: 11 ago. 2022.

Edição

Seção

Língua Brasileira de Sinais: descrição linguística, formação profissional e educação bilíngue