[1]
C. E. Brefore Pinheiro, “AS FRONTEIRAS ENTRE GÊNEROS NA POESIA DE MANOEL DE BARROS”, Rev. Trav., vol. 5, nº 2, out. 2011.