CARACTERIZAÇÃO FÍSICO-HÍDRICA DO SOLO ARGISSOLO AMARELO PARA ESTABELECIMENTO DE PROJETO E MANEJO DA IRRIGAÇÃO

Richard Alberto Rodríguez Padrón, Helena Maria Camilo de Moraes Nogueira, Roxanna Rosales Cerquera, Gonçalves Dauala Albino, Cicero Urbanetto Nogueira

Resumo

A classificação de parâmetros físico-hídrica do solo permite gerar uma base de informações para o manejo agrícola, irrigação, cálculos de projetos de irrigação e modelagem hidrológica de forma adequada ou sustentável. O estudo visa caracterizar os parâmetros físico-hídricas do solo argissolo amarelo para o estabelecimento de projetos e manejos em irrigação por gotejamento. O experimento foi conduzido entre setembro a março nos anos 2013-2014 e 2014-2015. As amostras de solo foram coletadas em cinco profundidades (0-0,2; 0,2-0,4; 0,4-0,6 e 0,6-0,8 m). Determinou-se a capacidade de campo, a densidade do solo, a curva de retenção de água, a infiltração em solo drenado e não drenado e também a avaliação do bulbo molhado. Efetuou-se o modelo para estimar o diâmetro do bulbo molhado em função da vazão e do tempo. A textura do solo em profundidades analisadas foi classificada como franca e argilosa. A capacidade de campo variou de 0,32 a 0,36 m3.m-3, o conteúdo volumétrico de água de 0,183 a 0,139 m3.m-3 e a densidade do solo de 1,42 a 1,35 kg.dm-3 em profundidades de 0-0,2 e 0,4-0,6 m, respectivamente. A velocidade de infiltração básica em solo drenado e não drenado foi de 1,3 e 1,5 cm.h-1, respectivamente (p≥5%). A vazão do emissor e as características físicas do solo exerceram efeito diferenciado na forma do bulbo molhado. A classificação de parâmetros físico-hídrica do solo é necessária para a economia da água e o melhor aproveitamento da umidade do solo pelas plantas, além de definir o comportamento do perfil do solo.

 

Texto completo:

PDF