CONDICIONANTES ECONÔMICOS E SOCIAIS DA FECUNDIDADE NO BRASIL

Pascoal José Marion Filho, Henrique Reichert

Resumo

O artigo tem como objetivo identificar os principais condicionantes econômicos e sociais da fecundidade no Brasil. Recentemente, o processo de transição demográfica tem chamado a atenção de pesquisadores e formuladores de políticas públicas, especialmente porque as mudanças na distribuição etária da população alteram a dinâmica socioeconômica e as demandas do Estado. Utiliza-se na pesquisa a Análise Multivariada de Componentes Principais, com dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios de 2012. Os resultados apontaram significativas correlações entre o número de filhos e variáveis educacionais, de acesso à informação, de renda e de urbanização. Além disso, verificou-se um agrupamento de fatores formado pela quantidade de filhos, urbanização e ocupação. Quando analisados estes componentes em plano fatorial, constatou-se que o número total de filhos encontra-se mais próximo à variável localização da residência.

Palavras-chave

Fecundidade; Brasil; Transição demográfica.

Texto completo:

PDF