Aspectos socioeconômicos da moda: um estudo de caso na cidade de Cascavel - PR

Daniele Dotto, Pery Francisco Assis Shikida

Resumo


Analisa-se, por meio de um estudo de caso em Cascavel - PR, os aspectos sociais e econômicos da moda, buscando identificar a importância que a mesma tem para a sociedade e a influência direta exercida no consumo. A obtenção de dados se deu por fontes primárias, via pesquisa de campo no Shopping JL e no “calçadão” da Avenida Brasil, utilizando-se questionários. Dos entrevistados, 40% definiram que a moda é ter estilo, opinião e gosto próprio, ou seja, as pessoas se vestem como se sentem bem. Os aspectos caracterizadores da moda, em ordem de importância, foram: sentir-se bem consigo próprio, e ter bom gosto. Do total, 66% se preocupam com moda, ao revés, 34% não se preocupam. Neste sentido, verifica-se que as mulheres se preocupam mais que os homens, 73% e 57%, respectivamente. Nota-se também que as pessoas que auferem maior renda se preocupam mais com a moda.

Palavras-chave


Moda; Consumo; Renda

Texto completo:

PDF


Direitos autorais



Revista Tempo da Ciência



e-ISSN: 1981-4798 — ISSN: 1414-3089

Unioeste - Universidade Estadual do Oeste do Paraná
Campus de Toledo
Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais

Rua da Faculdade, 645 — Jardim La Salle
CEP: 85903-000 — Toledo-Paraná-Brasil

| revistatempodaciencia@yahoo.com.br |