A POSE FOTOGRÁFICA EM TRÊS MOMENTOS DE KÔ: O RETRATO FOTOGRÁFICO COMO REPRESENTAÇÃO DO TEMPO NO OLHAR DE HARUO OHARA

André Camargo Lopes

Resumo


O objetivo deste artigo é promover um debate sobre o retrato em sua condição de memória compartilhada. Tomam-se com referência para o presente estudo, três retratos de Kô Sanada realizados por Haruo Ohara entre os anos de 1940-1973. Nestas imagens evidencia-se a construção de um olhar sobre o corpo e o tempo que o envolve. Propõe-se debater a arte do retrato como resultante de uma ação de cumplicidade e pesquisa entre modelo e retratista, na perspectiva de se debater a constituição de uma iconografia afetiva do tempo.


Palavras-chave


retrato; tempo; Haruo Ohara; fotografia.

Texto completo:

PDF


Direitos autorais 2012 Autores mantêm os direitos autorais e concedem à revista o direito de primeira publicação, com o trabalho simultaneamente licenciado sob CC-BY-NC-SA 4.0 que permite o compartilhamento do trabalho com indicação da autoria e publicação inicial nesta revista

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.