ITINERÁRIO DA POESIA DE JORGE DE LIMA: DE PARNASIANO A ÓRFICO

Luciano Dias Cavalcanti

Resumo


Este texto pretende delinear o itinerário da poesia de Jorge de Lima, por meio da apresentação e reflexão crítica da obra de um dos poetas mais importantes do modernismo brasileiro, que, mesmo com sua relevância enunciada pela crítica especializada, ainda é pouco lembrada nas universidades brasileiras. Provavelmente, pelo motivo da predominância de uma voga construtivista e/ou racionalista da nossa poesia iniciada na chamada “geração de 45”, da forte influência da estética cabralina, do concretismo e da filiação do poeta ao cristianismo.

Palavras-chave


literatura;culrura; arte e comunicaçõ

Texto completo:

PDF


Direitos autorais 2012 Autores mantêm os direitos autorais e concedem à revista o direito de primeira publicação, com o trabalho simultaneamente licenciado sob CC-BY-NC-SA 4.0 que permite o compartilhamento do trabalho com indicação da autoria e publicação inicial nesta revista

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.