PRODUTIVIDADE DA CULTURA DA FIGUEIRA (FICUS CARICA L.) SUBMETIDA A DIFERENTES ESTRATÉGIAS DE IRRIGAÇÃO POR GOTEJAMENTO

Autores

  • Patrícia Verônica Trevisan
  • Janine Farias Menegaes
  • Diniz Fronza
  • Toshio Nishijima

DOI:

https://doi.org/10.48075/actaiguaz.v5i2.15369

Resumo


O objetivo do presente trabalho foi avaliar a produtividade da figueira (Ficus carica L.) submetida a diferentes lâminas de irrigação por gotejamento. A figueira é uma espécie sensível ao déficit hídrico, principalmente, no período de frutificação. O experimento foi conduzido no setor de fruticultura do Colégio Politécnico da UFSM, RS. As plantas com sete anos de produção foram avaliadas no período de 2012 a 2013. O delineamento experimental utilizado foi de blocos ao acaso, com cinco tratamentos e quatro repetições, considerando-se duas plantas por unidade experimental, totalizando 40 plantas dispostas no espaçamento 2,5 x 2,0 m. O sistema de irrigação utilizado foi o localizado por gotejamento, em que tratamentos consistiram na aplicação de lâminas de água, correspondentes a reposições de zero, 50, 75, 100, e 125%, aplicados a cada 20 mm da evapotranspiração máxima da cultura (ETc) a qual foi estimada através da equação de Penmam-Monteith. Avaliou-se produtividade, peso médio do fruto maduro, frutos por planta, diâmetro e comprimento dos frutos. Conclui-se que a irrigação por gotejamento influenciou positivamente os componentes de produção, tornando-se imprescindível seu uso para uma maior produtividade da cultura da figueira na região central do estado.

 

Downloads

Publicado

01-01-2000

Como Citar

TREVISAN, P. V.; FARIAS MENEGAES, J.; FRONZA, D.; NISHIJIMA, T. PRODUTIVIDADE DA CULTURA DA FIGUEIRA (FICUS CARICA L.) SUBMETIDA A DIFERENTES ESTRATÉGIAS DE IRRIGAÇÃO POR GOTEJAMENTO. Acta Iguazu, [S. l.], v. 5, n. 2, 2000. DOI: 10.48075/actaiguaz.v5i2.15369. Disponível em: https://e-revista.unioeste.br/index.php/actaiguazu/article/view/15369. Acesso em: 18 ago. 2022.

Edição

Seção

ARTIGOS CIENTÍFICOS