ANÁLISE DO BIODIESEL DE LINUM USITATISSIMUN E MACADAMIA INTEGRIFOLIA

Autores

  • Edward Seabra Júnior
  • Reginaldo Ferreira Santos
  • Rafaelly Simionatto
  • Armin Feiden
  • Daisy Regina dos Santos
  • Reinaldo Aparecido Baricatti

DOI:

https://doi.org/10.48075/actaiguaz.v5i5.15919

Resumo


Linhaça e macadâmia apresentam elevados percentuais de óleos em suas sementes, assim, o objetivo deste estudo é avaliar as características e a viabilidade de produzir biodiesel produzido a partir dessas sementes. O cenário dos biocombustíveis no Brasil se torna favorável devido a extensão territorial, solos férteis e clima temperado durante o ano todo. Este estudo se justifica devido a necessidade da diversificação da matriz energética, reduzindo a dependência de combustíveis fósseis e não renováveis. Utilizou-se como metodologia a reação de transeterificação, análise do óleo pela viscosidade, densidade e acidez. Concluiu-se que apesar do alto teor de óleo nas sementes os biodieseis da macadâmia e da linhaça são propícios para a utilização.

Downloads

Publicado

01-01-2000

Como Citar

SEABRA JÚNIOR, E.; FERREIRA SANTOS, R.; SIMIONATTO, R.; FEIDEN, A.; DOS SANTOS, D. R.; APARECIDO BARICATTI, R. ANÁLISE DO BIODIESEL DE LINUM USITATISSIMUN E MACADAMIA INTEGRIFOLIA. Acta Iguazu, [S. l.], v. 5, n. 5, p. 10–15, 2000. DOI: 10.48075/actaiguaz.v5i5.15919. Disponível em: https://e-revista.unioeste.br/index.php/actaiguazu/article/view/15919. Acesso em: 11 ago. 2022.

Edição

Seção

ARTIGOS CIENTÍFICOS