IMPACTO DO USO DE ESPÉCIES DE COBERTURA NA ESTRUTURA DE UM LATOSSOLO ARGILOSO E SEUS REFLEXOS NO RENDIMENTO DE GRÃO DE SOJA

Autores

  • Bruna de Villa
  • Deonir Secco
  • Luciene Kazue Tokura
  • Maurício Antônio Pilatti
  • Macarius Cesar Di Lauro Moreira
  • Marcos Felipe Leal Martins

DOI:

https://doi.org/10.48075/actaiguaz.v6i2.17388

Resumo


O manejo conservacionista, juntamente com a rotação de cultura podem influenciar de forma positiva as características físicas do solo. Desta forma, o presente trabalho teve como objetivo avaliar o sistema de rotação de culturas com espécies “recuperadoras” de estrutura e posteriormente analisar os efeitos do uso destas no rendimento de grãos da soja. Os tratamentos foram constituídos por seis espécies de cobertura: milheto (Pennisetum americanum), guandú anão (Cajanus cajan), crotalária juncea (Crotalaria juncea), feijão guandú (Cajanus cajan), crotalária spectabilis (Crotalaria spectabilis), mucuna preta (Mucuna aterrima), e, três sistemas de manejo: sistema de plantio direto escarificado, sistema plantio direto com aplicação de gesso agrícola e sistema plantio direto tradicional (testemunha). O delineamento experimental utilizado foi inteiramente casualizado com 4 repetições em parcelas experimentais de 20x25 m. Foram coletadas amostras indeformadas de solo nas  camadas de 0-10 cm, 10-20 cm e 20-30 cm, antes e após o cultivo destas espécies, onde foi avaliada a densidade e o espaço poroso do solo. O rendimento de grãos de soja foi avaliado em subparcelas de 4 m² em cada tratamento e a umidade dos grãos corrigida a 13%. As médias dos tratamentos foram comparadas pelo teste Tukey a 5% de significância. As espécies de cobertura vegetal guandu anão e crotalária juncea foram as espécies que apresentaram maior potencial estruturante do solo. O rendimento de grãos de soja não apresentou diferença significativa nos tratamentos avaliados.

Downloads

Publicado

21-07-2017

Como Citar

DE VILLA, B.; SECCO, D.; KAZUE TOKURA, L.; PILATTI, M. A.; DI LAURO MOREIRA, M. C.; LEAL MARTINS, M. F. IMPACTO DO USO DE ESPÉCIES DE COBERTURA NA ESTRUTURA DE UM LATOSSOLO ARGILOSO E SEUS REFLEXOS NO RENDIMENTO DE GRÃO DE SOJA. Acta Iguazu, [S. l.], v. 6, n. 2, p. 1–12, 2017. DOI: 10.48075/actaiguaz.v6i2.17388. Disponível em: https://e-revista.unioeste.br/index.php/actaiguazu/article/view/17388. Acesso em: 8 ago. 2022.

Edição

Seção

ARTIGOS CIENTÍFICOS