Desenvolvimento de mudas de cultivares de Café arábica com aplicação de fertilizante nitrogenado de liberação lenta

Autores

  • Gustavo Zanetti Pollo Universisdade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho”, UNESP, Via de Acesso Prof.Paulo Donato Castellane s/n, CEP: 14884-900 - Jaboticabal, SP, Brasil
  • Adailza Guilherme Cavalcante Universisdade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho”, UNESP, Via de Acesso Prof.Paulo Donato Castellane s/n, CEP: 14884-900 - Jaboticabal, SP, Brasil
  • Flávia Constantino Meirelles Universisdade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho”, UNESP, Via de Acesso Prof.Paulo Donato Castellane s/n, CEP: 14884-900 - Jaboticabal, SP, Brasil
  • Rogério Farinelli Universisdade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho”, UNESP, Via de Acesso Prof.Paulo Donato Castellane s/n, CEP: 14884-900 - Jaboticabal, SP, Brasil
  • Leandro Boges Lemos Universisdade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho”, UNESP, Via de Acesso Prof.Paulo Donato Castellane s/n, CEP: 14884-900 - Jaboticabal, SP, Brasil

DOI:

https://doi.org/10.48075/actaiguaz.v8i4.21574

Palavras-chave:

Caffea arabica, variedade, nitrocote.

Resumo


A produção de mudas é uma das etapas mais importante para o bom desenvolvimento do cafeeiro no campo. Objetivou-se avaliar o desenvolvimento de mudas e o acúmulo de nitrogênio foliar em cultivares de café em função da aplicação de fertilizante nitrogenado de liberação lenta. O delineamento experimental de blocos inteiramente casualizados, dispostos em esquema fatorial 3 x 3, representados por cultivares de café Novo Mundo (C1=  IAC 379-19, C2= IAC 515-20 e C3= Catucaí 785-15) e doses de fertilizante nitrogenado de liberação lenta (Nitrocote 9M) incorporadas no substrato (D0= sem aplicação, D1= 150g 55L-1 de substrato, D2= 300g 55L-1 de substrato). Houve influência da interação cultivares x doses de fertilizante para diâmetro do caule, altura de plantas e matéria seca da parte aérea. A dose de 300 g do fertilizante 55L-1 de substrato prejudicou o desenvolvimento das cultivares IAC 379-19 e Catucaí 785-15 nas características de altura de plantas e massa seca da parte aérea, afetando também a massa seca total e da raiz de todas as cultivares. A maior altura de plantas, massa seca da parte aérea e da raiz foi obtida na dose de 150 g do fertilizante 55L-1 de substrato. Na dose de 300 g do fertilizante 55L-1 de substrato houve maior teor de nitrogênio na parte aérea, porém a ausência da aplicação do fertilizante não diferiu da dose de 150 g 55L-1 de substrato, podendo inferir que a matéria orgânica contida no substrato foi suficiente no fornecimento de nitrogênio para o desenvolvimento das mudas de café.

Downloads

Publicado

13-12-2019

Como Citar

POLLO, G. Z.; CAVALCANTE, A. G.; MEIRELLES, F. C.; FARINELLI, R.; LEMOS, L. B. Desenvolvimento de mudas de cultivares de Café arábica com aplicação de fertilizante nitrogenado de liberação lenta. Acta Iguazu, [S. l.], v. 8, n. 4, p. 146–155, 2019. DOI: 10.48075/actaiguaz.v8i4.21574. Disponível em: https://e-revista.unioeste.br/index.php/actaiguazu/article/view/21574. Acesso em: 13 ago. 2022.

Edição

Seção

ARTIGOS CIENTÍFICOS