Avaliação da atividade antimicrobiana do óleo essencial e extratos da Curcuma longa

Autores

  • Paola Passolongo Paludo
  • Renata Nátali Schimiloski
  • Beatriz Lemes Almeida
  • Felipe Augusto Chimenez Pinto
  • Conceição de Fátima Alves Olguin
  • Cleide Viviane Buzanello Martins

DOI:

https://doi.org/10.48075/actaiguaz.v8i5.23787

Palavras-chave:

Curcuma, extrato etanólico, antimicrobiana.

Resumo


O aumento do uso de fármacos propiciou um elevado número de resíduos jogados em vias hídricas; uma possibilidade de diminuir esses danos ambientais é o uso de fitofármacos. Assim, este estudo teve como objetivo testar in vitro pelo método de difusão em disco de papel a susceptibilidade de Candida albicans (CAN14), Candida parapsilosis, Candida tropicalis, Candida glabrata, Candida krusei e Cryptococcus neoformans aos extratos aquoso, etanólico bem como o óleo essencial da Curcuma longa conhecida por açafrão da terra. Verificou-se que óleo essencial apresentou resultado positivo para a maioria dos fungos, exceto C. glabrata. O extrato etanólico foi o mais eficiente a C. tropicalis. Vale destacar que todos os extratos foram mais eficientes frente a C. tropicalis e C. krusei quando comparados com o controle positivo cetoconazol.

Downloads

Publicado

19-12-2019

Como Citar

PALUDO, P. P.; SCHIMILOSKI, R. N.; ALMEIDA, B. L.; PINTO, F. A. C.; ALVES OLGUIN, C. de F.; MARTINS, C. V. B. Avaliação da atividade antimicrobiana do óleo essencial e extratos da Curcuma longa. Acta Iguazu, [S. l.], v. 8, n. 5, p. 13–20, 2019. DOI: 10.48075/actaiguaz.v8i5.23787. Disponível em: https://e-revista.unioeste.br/index.php/actaiguazu/article/view/23787. Acesso em: 28 set. 2022.

Edição

Seção

ARTIGOS CIENTÍFICOS