Educação física escolar e educação de jovens e adultos: desafios da docência no ensino remoto emergencial

Autores

  • Wagner César Pinheiro Costa Secretaria Estadual de Educação do Pará (SEDUC) Secretaria Municipal de Educação de Vigia de Nazaré (SEMED)
  • Willian Lazaretti da Conceição Universidade Federal do Pará (UFPA) Universidade Nova de Lisboa (NOVA)

DOI:

https://doi.org/10.36453/cefe.2021.n3.27629

Palavras-chave:

Covid-19, Educação, Pará

Resumo


INTRODUÇÃO: A presente pesquisa foi desenvolvida à luz das experiências docentes no atendimento educacional a estudantes matriculados/as na Educação de Jovens e Adultos (EJA) que foram imersos no Ensino Remoto Emergencial (ERE) em decorrência da COVID-19. OBJETIVO: Apresentar os desafios que emergem do processo de ensino e de aprendizado na ação pedagógica de professores de Educação Física que trabalham no ERE com turmas da EJA. MÉTODOS: Participaram do estudo, 3 professores de Educação Física, do município de Vigia de Nazaré no Estado do Pará - Brasil que lecionam nos anos finais do ensino fundamental e do ensino médio em duas escolas públicas estaduais que atendem a modalidade EJA. De cunho qualitativo, a pesquisa usou como instrumento de coleta uma entrevista semiestruturada. A análise de conteúdo subsidiou o tratamento dos dados das entrevistas. RESULTADOS: Através dos relatos obtidos foi possível deparar com as grandes dificuldades dos professores de Educação Física em relação ao ensino por meio do ERE e a dura realidade excludente do mesmo em relação aos/às alunos/as da EJA. CONCLUSÃO: Conclui-se, que o presente estudo poderá provocar novas discussões sobre o Ensino Remoto Emergencial e seu papel excludente na área da Educação, em especial no âmbito da Educação Física Escolar e a EJA.ABSTRACT. School physical education and youth and adult education: Challenges of teaching in remote education.BACKGROUND: This research was developed in the light of the teaching experiences in the educational care of students enrolled in Youth and Adult Education (EJA) who were immersed in Emergency Remote Education (ERE) due to the COVID-19. OBJECTIVE: To present the challenges that emerge from the teaching and learning process in the pedagogical action of Physical Education teachers who work in the ERE with EJA classes. METHODS: The study included 3 physical education teachers from the municipality of Vigia de Nazaré in the State of Pará - Brazil who teach in the final years of elementary school and high school in two state public schools that have the modality EJA. Of qualitative nature, the research used as a collection instrument a semi-structured interview. The content analysis supported the treatment of the data from the interviews. RESULTS: Through the reports obtained it was possible to face the great difficulties of physical education teachers in relation to teaching through ERE and the harsh excluding reality of the same in relation to the students of the EJA. CONCLUSION: It is concluded that this study may provoke new discussions on Emergency Remote Education and its excluding role in the area of Education, especially in the field of School Physical Education and the EJA.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

BARDIN, L. Análise de Conteúdo. Lisboa: Edições, v. 70, 2011.

BRASIL. Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996. Estabelece as Diretrizes e Bases da Educação Nacional. Diário Oficial da União, Brasília, DF, v. 134, n. 248, 23 dez. 1996. Seção 1. Disponível em: https://www2.camara.leg.br/legin/fed/lei/1996/lei-9394-20-dezembro-1996-362578-publicacaooriginal-1-pl.html. Acessado em: 2 de maio de 2021.

CONCEIÇÃO, W L. da. Histórias de vidas que se unem: a professora, o professor e os [elos com os] jovens infratores. Campinas. 136f. Tese (Doutorado em Educação) - Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 2017.

COSTA, W. C. P.; CONCEIÇÃO, W. L. da. Estudo de caso da educação física em escolas públicas estaduais de Vigia de Nazaré - PA/Brasil. Lecturas: Educación Física y Deportes, Revista Digital, Buenos Aires, v. 177, p. 1-10, 2013. Disponível em: https://www.efdeportes.com/efd177/educacao-fisica-em-escolas-publicas-estaduales.htm. Acessado em: 13 de março de 2021.

COSTA, W. C. P.; CONCEIÇÃO, W. L. da. School physical education in the pandemic context in the municipality of Vigia de Nazaré in the state of Pará. Research, Society and Development, Vargem Grande Paulista, v. 10, n. 10, p. e105101018728, 2021.

DARIDO, S. C.; RANGEL, I. C. A. Educação física na escola: implicação para a prática pedagógica. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2008.

GOULARTE, G. G.; BOSSLE, F. O covid-19, o ensino remoto e os novos acordos didáticos para o ensino da educação física: narrativas das experiências docentes. Sobre Tudo, Florianópolis, v. 11, n. 2, p. 61-80, 2020.

IZA, D. F. V.; BENITES, L. C.; SANCHES NETO, L.; CYRINO, M.; ANANIAS, E. V.; ARNOSTI, R. P.; SOUZA NETO, S. Identidade docente: as várias faces da constituição do ser professor. Revista Eletrônica de Educação, São Carlos, v. 8, n. 2, p. 273-92, 2014.

LAIBIDA, V. L. B.; PRYJMA, M. F. Evasão escolar na Educação de Jovens e Adultos (EJA): professores voltados na permanência do aluno na escola. Paraná, Secretaria da Educação. Os desafios da escola pública paranaense na perspectiva do professor PDE, p. 2-18, 2013. Disponível em: http://www.diaadiaeducacao.pr.gov.br/portals/cadernospde/pdebusca/producoes_pde/2013/2013_utfpr_ped_artigo_vera_lucia_bortoletto_laibida.pdf. Acessado em: 13 de março de 2021.

LUDKE, M.; ANDRÉ, M. E. D. Pesquisa em educação: abordagens qualitativas. São Paulo: Editora Pedagógica e Universitária, 1986.

OLIVEIRA, A. T. C.; ROCHA, L. L.; VENÂNCIO, L.; SANCHES NETO, L. Professores (as) pesquisadores (as) de educação física na educação básica: idiossincrasias e fomento à formação na região metropolitana de Fortaleza. Caderno de Educação Física e Esporte, Marechal Cândido Rondon, v. 17, p. 143-151, 2019.

RODRIGUES, M. M. O uso de novas tecnologias em turmas de EJA. In: Congresso Nacional Universidade, EAD e Software Livre, 2010. Belo Horizonte. Anais... Belo Horizonte: Universidade Federal de Minas Gerais/Faculdade de Letras. Disponível em: http://www.periodicos.letras.ufmg.br/index.php/ueadsl/article/view/2468. Acessado em: 15 de junho de 2021.

RODRIGUES, R. L. Estado e políticas para a educação de jovens e adultos: desafios e perspectivas para um projeto de formação humana. Convergências e tensões no campo da formação e do trabalho docente. Belo Horizonte: Autêntica, 2010.

SANTOS, J. dos. Populações ribeirinhas e educação do campo: análise das diretrizes educacionais do município de Belém - PA, no período de 2005-2012. 2014. 153f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Federal do Pará, Belém, 2014.

SILVA, A. J. F. da; SILVA, C. C. da; TINÔCO, R. de G.; ARAÚJO, A. C de; VENÂNCIO L.; SANCHES NETO L.; FREIRE E dos S.; LAZARETTI DA CONCEIÇÃO, W. Dilemmas, Challenges and Strategies of Physical Education Teachers- Researchers to Combat Covid-19 (SARS-CoV-2) in Brazil. Frontiers in Education, Lausanne, v. 6, p. e583952, 2021.

SILVA, A. J. F. da; SILVA, C. C. da; TINÔCO, R. DE G.; VENÂNCIO, L.; SANCHES NETO, L.; ARAÚJO, A. C. DE. Desafios da educação física escolar em tempos de pandemia: notas sobre estratégias e dilemas de professores (as) no combate à Covid-19 (SARS-COV-2). Cenas Educacionais, Caetité, v. 4, p. e10618, 2021.

SILVA, C. R. de O. Metodologia e organização do projeto de pesquisa: guia prático. Fortaleza: Editora da UFC, 2004.

SILVA, E. A. P. da; ALVES, D. L. R.; FERNANDES, M. N. O papel do professor e o uso das tecnologias educacionais em tempos de pandemia. Cenas Educacionais, Caetité, v. 4, p. e10740, 2021.

SILVA, H. I. da; GASPAR, M. Estágio supervisionado: a relação teoria e prática reflexiva na formação de professores do curso de Licenciatura em Pedagogia. Revista Brasileira de Estudos Pedagógicos, Brasília, v. 99, n. 251, p. 205-21, 2018.

SILVA, M. S.; BRACHT, V. Na pista de práticas e professores inovadores na educação física escolar. Kinesis, Santa Maria, v. 30, n. 1, p. 80-94, 2012.

SOPRANA, P. Brasil tem cerca de 70 milhões de pessoas com acesso de internet precário ou inexistente. Folha de S. Paulo, São Paulo: FSP, 2020. Disponível em: https://www1.folha.uol.com.br/mercado/2020/05/cerca-de-70-milhoes-no-brasil-tem-acesso-precario-a-internet-na-pandemia.shtml. Acessado em: 29 de maio de 2021.

SOUZA, K. R.; SANTOS, G. B. dos; RODRIGUES, A. M. dos S.; FELIX, E. G.; GOMES, L.; ROCHA, G. L. da; CONCEIÇÃO, R. do C. M.; ... ; PEIXOTO, R. B. Trabalho remoto, saúde docente e greve virtual em cenário de pandemia. Trabalho, Educação e Saúde, Rio de Janeiro, v. 19, e00309141, 2021.

SOUZA, M. L. A. (In) visíveis? Crianças quilombolas e a necropolítica da infância no Brasil. Zero-a-Seis, Florianópolis, v. 22, n. Esp., p. 1281-304, 2020.

TOMAZINHO, P. Ensino remoto emergencial: a oportunidade da escola criar, experimentar, inovar e se reinventar. Disponível em: https://www.medium.com/@paulotomazinho/ensino-remoto-emergencial-a-oportunidade-da-escola-criar-experimentar-inovar-e-se-reinventar-6667ba55dacc. Acessado em: 29 de maio de 2021.

Downloads

Publicado

01-09-2021

Como Citar

COSTA, W. C. P.; CONCEIÇÃO, W. L. da. Educação física escolar e educação de jovens e adultos: desafios da docência no ensino remoto emergencial. Caderno de Educação Física e Esporte, Marechal Cândido Rondon, v. 19, n. 3, p. 1–6, 2021. DOI: 10.36453/cefe.2021.n3.27629. Disponível em: https://e-revista.unioeste.br/index.php/cadernoedfisica/article/view/27629. Acesso em: 26 out. 2021.

Edição

Seção

Dossiê Educação Física Escolar: desafios e possibilidades na atualidade