ANÁLISE DA RELEVÂNCIA DA DOAR E DA DFC: COM A DFC, HÁ GANHO INFORMACIONAL PARA OS USUÁRIOS?

Autores

  • Luiz Henrique Fernandes Vargas
  • Júlia Alves e Souza

DOI:

https://doi.org/10.48075/revistacsp.v12i22.7455

Palavras-chave:

Demonstração das Origens e Aplicações de Recursos - DOAR, Demonstração dos Fluxos de Caixa - DFC, Informatividade, Harmonização Contábil.

Resumo


Considerando a importância das demonstrações contábeis para seus usuários e a substituição da exigência de divulgação da Demonstração de Origens e Aplicações de Recursos (DOAR) pela obrigatoriedade da Demonstração dos Fluxos de Caixa (DFC), este estudo tem como objetivo verificar a relevância das informações divulgadas por meio da DFC (referentes a 2010) e por meio da DOAR (referentes a 2007), comparando-as. A abordagem é quantitativa, fundamentada em estudos de value relevance e na aplicação de técnicas de regressão múltipla. São utilizados dados secundários e englobadas 180 empresas listadas na BM&FBovespa. Os resultados encontrados confirmam a hipótese que a DFC apresentou informações mais relevantes que a DOAR, considerando-se os períodos especificados. Respeitadas as devidas limitações, conclui-se que o conteúdo divulgado através da DFC apresenta ganho informacional aos usuários em relação àquele divulgado através da DOAR. Assim, essa substituição da DOAR pela DFC, ocorrida no contexto de harmonização das normas internacionais de contabilidade, tende a favorecer os usuários das demonstrações contábeis em seu processo de tomada de decisões.

Downloads

Publicado

26-06-2013

Como Citar

VARGAS, L. H. F.; SOUZA, J. A. e. ANÁLISE DA RELEVÂNCIA DA DOAR E DA DFC: COM A DFC, HÁ GANHO INFORMACIONAL PARA OS USUÁRIOS?. Revista Ciências Sociais em Perspectiva, [S. l.], v. 12, n. 22, 2013. DOI: 10.48075/revistacsp.v12i22.7455. Disponível em: https://e-revista.unioeste.br/index.php/ccsaemperspectiva/article/view/7455. Acesso em: 27 jun. 2022.

Edição

Seção

Artigos