VOCABULÁRIO CONTROLADO E REDAÇÃO DE DEFINIÇÕES EM DICIONÁRIOS DE PORTUGUÊS PARA ESTRANGEIROS: ensaios para uma léxico-estatística textual

Autores

  • Maria José Bocorny Finatto
  • Aline Evers
  • Bianca Franco Pasqualino
  • Tanara Zingano Kuhn
  • Aline Maciel Pereira

DOI:

https://doi.org/10.48075/rt.v10i20.10345

Palavras-chave:

Vocabulário controlado, definição lexicográfica, frequência de palavras.

Resumo



Estudo inicial em léxico-estatística textual para colher dados que subsidiem a construção de um vocabulário controlado (VC) de referência para a redação de definições em um dicionário de português para estrangeiros. Aproveitaram-se dados do vocabulário mais frequente em jornais populares brasileiros e foram analisados três diferentes corpora. Comparadas as palavras mais frequentes das fontes, avaliou-se o uso dos VCs para elaborar definições de verbetes-teste. Evidenciou-se o bom aproveitamento dos corpora e a relevância da estatística linguística para a composição do VC.

Downloads

Publicado

10-07-2014

Como Citar

BOCORNY FINATTO, M. J.; EVERS, A.; PASQUALINO, B. F.; KUHN, T. Z.; PEREIRA, A. M. VOCABULÁRIO CONTROLADO E REDAÇÃO DE DEFINIÇÕES EM DICIONÁRIOS DE PORTUGUÊS PARA ESTRANGEIROS: ensaios para uma léxico-estatística textual. Trama, [S. l.], v. 10, n. 20, p. 53–68, 2014. DOI: 10.48075/rt.v10i20.10345. Disponível em: https://e-revista.unioeste.br/index.php/trama/article/view/10345. Acesso em: 17 ago. 2022.

Edição

Seção

ARTIGO