OS GÊNEROS TEXTUAIS EMERGENTES COMO ESTRATÉGIAS DE ENSINO DE LÍNGUA MATERNA

Autores

  • Franciele Maria Martiny
  • Clarice Nadir von Borstel

DOI:

https://doi.org/10.48075/rt.v8i16.6949

Palavras-chave:

Língua materna, gêneros textuais emergentes, interação

Resumo


Este estudo tem como foco apresentar parte de uma pesquisa escolar que se desenvolveu em uma escola estadual, no terceiro ano do Ensino Médio. O objetivo, neste momento, será o de relatar alguns aspectos teóricos e metodológicos da pesquisa com relação ao uso dos gêneros textuais emergentes em aulas de Português, com base na concepção interacionista de linguagem. As reflexões mostram resultados pertinentes do uso do uso dos gêneros em sala de aula como estratégias de compreensão e interação com a língua materna.

Downloads

Publicado

21-08-2012

Como Citar

MARTINY, F. M.; VON BORSTEL, C. N. OS GÊNEROS TEXTUAIS EMERGENTES COMO ESTRATÉGIAS DE ENSINO DE LÍNGUA MATERNA. Trama, [S. l.], v. 8, n. 16, p. 31–42, 2012. DOI: 10.48075/rt.v8i16.6949. Disponível em: https://e-revista.unioeste.br/index.php/trama/article/view/6949. Acesso em: 19 maio. 2022.

Edição

Seção

ARTIGO